Fora de prumo F! #26. A cidade e a cidade

Não há nada para desver por aqui.

A distância entre as cidades de Besźel e Ul-Qoma parece ser antes ideológica que física — contudo, são distâncias bastante reais e tangíveis. Ambas as cidades-estado ocupam a mesma área, embora constituam espaços profundamente distintos. Os habitantes de cada cidade não podem interagir com os habitantes ou objetos localizados na outra: para isso, precisam passar pela fronteira. Não podem sequer olhar para nada que se encontre na cidade superposta àquela em que eles se encontram: caso o façam, cometem um crime conhecido como “brecha”. Esta é a premissa do romance A cidade e a cidade (The City & the City, de China Miéville, publicado originalmente em inglês em 2009 e em português em 2014 com tradução de Fábio Fernandes) e são os temas levantados nesta obra que servem de gatilho para a conversa desta edição do Fora de prumo.

OUÇA AQUI

Continuar lendo Fora de prumo F! #26. A cidade e a cidade